05/11/2010 – “Existe vinho bom e barato? Parte 4″

Por Marcelo Copello

Falar de tintos europeus não é falar apenas de Lafites, Barolos, Vegas Sicilias, Barcas Velhas e Romaneés-Contis. Por mais milionário que você seja você não se escova os dentes com Pétrus (ou escova?). Para bolsos não tão fundos existem tintos europeus não tão caros.

Apresento hoje a parte final da grande prova de 110 brancos e tintos até R$ 50. Encerro esta maratona com 23 tintos do Velho Mundo. Quem quiser ler as duas primeiras partes desta prova, leia em:

Parte 1: www.mardevinho.com.br/colunas/mega50-parte1

Parte 2: www.mardevinho.com.br/colunas/mega50-parte2

Parte 3: www.mardevinho.com.br/colunas/mega50-parte3

Em tempo, a Itália apresentou o melhor time, com 6 das 10 melhores compras. Vamos às BOAS COMPRAS!

OS MELHORES – TINTOS VELHO MUNDO

Melhor França

Château de D’Or et des Gueules 2007, Costieres de Nimes (Premium, R$ 49,50)

 

Melhor Itália

Riparosso 2008, Illuminati, Abruzzo (Casa do Vinho, R$ 44).

 

Melhor Espanha

Tavs tinto joven 2009, Hacienda del Carche, Jumila (Vinissimo, R$ 45).

 

As 10 melhores compras

Tavs tinto joven 2009, Hacienda del Carche, Jumila (Vinissimo, R$ 45).

Riparosso 2008, Illuminati, Abruzzo (Casa do Vinho, R$ 44).

Nero D´Avola 2009, Cusumano, Sicilia (Inovini, R$ 48)

Single Vineyard Oak Aged 2007, Pago de Cirsus, Navarra (Decanter, R$ 40,45).

Tormaresca 2008, Neprica, Puglia (Wine Brands, R$ 44)

Baglio del Sole 2006, Feudi del Pisciotto, Sicilia (Vinci, US$ 28,50)

Hesaurum 2008, Veneto (Barrinhas, R$ 29,83).

Château de D’Or et des Gueules 2007, Costieres de Nimes (Premium, R$ 49,50)

Terra Vitis 2008, Les Vignerons D´Estezargues, França-Rhône (World Wine, R$ 43).

Remole 2008, Frescobaldi, Itália-Toscana (Grand Cru, R$ 49).

 

RESULTADO DETALHADO

FRANÇA

  Vinho Produtor Safra Região Importador Preço* NOTA
1 Ch de D’Or et des Gueules Ch de D’Or et des Gueules 2007 Rhône Premium R$ 49,50 86
2 Terra Vitis Vignerons D´Estezargues 2008 Rhône World Wine R$ 43,00 86
3 B&G Pinot Noir Barton & Guestier 2009 Ile de Beauté Interfood R$ 49,90 85
4 Chateau Tour de Luchey Chateau Tour de Luchey 2008 Bordeaux Cantú R$ 42,00 85
5 Chãteau Jamin GAEC 2006 Bordeaux Vinhos do Mundo R$ 49,90 84
6 Mélodie Château Joliet 2006 Fronton Cave Jado R$ 49,00 83
7 Patriarche Pinot Noir Patriarche 2008 Vin de Pays Paralelo 35 R$ 44,00 83
8 Côtes-du-Rhône Grand Mont Bouchard 2007 Rhône Vinea R$ 48,00 83
9 Elegance de Lesparre Michel Gonet 2004 Bordeaux Vitis Vinífera R$ 48,00 80
10 Cruse 6ème Génération Louis Eschenauer 2006 Bordeaux Mr Man R$ 42,00 76

 

1-Château de D’Or et des Gueules 2007, Ch de D’Or et des Gueules, França- Costieres de Nimes (Premium, R$ 49,50). 50% Grenache, 30% Carignan, 15% Syrah, 5% Mourvèdre. Vermelho rubi escuro, com reflexos na transição entre violáceos e granada. Aroma intenso e maduro, com boa concentração de frutas doces, cassis, amora, cereja, baunilha. Paladar dmédio-bom corpo, 13,5% de álcool, taninos finos e doces, bem equilibrado, Nota 87 pontos.

2-Terra Vitis 2008, Les Vignerons D´Estezargues, França-Rhône (World Wine, R$ 43). Vermelho rubi entre claro e escuro com reflexos violáceos. Aroma intenso e fresco, limpo e elegante, com fruta madura, cereja, baunilha. Paladar de médio corpo, com taninos doces e agradáveis, 14% de álcool, final macio. Muito bem acabado e fácil de beber. Nota 86 pontos.

3-B&G Pinot Noir 2009, Barton & Guestier, França- Ile de Beauté (Interfood, R$ 49,90). Vin de Pays DOC, da Ile de Beauté, ilha no mediterrâneo. Vermelho rubi claro, com reflexos violáceos. Aroma de bom ataque e frescor, focado nas frutas vermelhas e negras, bem delineadas, cerejas, amoras, toque de especiarias. Paladar leve e macio, com 12% de álcool, tanino secos, acidez correta. Boa tipicidade da casta, gastronômico, fácil de beber Nota 85 pontos.

4-Chateau Tour de Luchey 2008, Chateau Tour de Luchey, França-Bordeaux (Cantú, R$ 42). 80% Merlot, 10% Cabernet Franc, 10%, Cabernet Sauvignon. Vermelo rubi entre claro e escuro com reflexos violáceo. Aroma de bom frescor, boa fruta, mineral terroso típico da região. Paladar de médio corpo, com taninos finos, 13% de álcool, boa acidez, equilibrado e gastronômico, Nota 85 pontos.

5-Château Jamin 2006, GAEC, França-Bordeaux (Vinhos do Mundo, R$ 49,90), 34% Merlot , 33% Cabernet Sauvignon, 33% Cabernet Franc. Vermelho granada claro. Aroma intenso e fresco com fruta vermelhas frescas, toque mineral e salgado típico de Bordeaux, especiarias. Paladar de médio corpo, taninos secos, 12,5% de álcool, tem boa elegância e equilíbrio, mas falta um pouco de estrutura na boca e é pouco persistente. Nota 84 pontos.

6-Mélodie 2006, Château Joliet, França-Fronton (Cave Jado, R$ 49). Vermelho entre rubi e granada, quase escuro. Aroma intenso, com frutas ultra maduras, ameixa passa, tabaco, alcaçuz. Paladar de médio corpo, taninos porosos ainda levemente presentes, com 12,5% de álcool, acidez correta. Nota 83 pontos.

7-Patriarche Pinot Noir 2008, Patriarche, França (Paralelo 35, R$ 44). Vermelho rubi claro com reflexos granada. Aroma intenso e típico, com notas de musgo, terra molhada, frutas vermelhas, framboesa, cerejas. Paladar de médio corpo, com taninos doces, 13,5% de álcool, acidez moderada. Nota 83 pontos.

8-Côtes-du-Rhône Grand Mont 2007, Bouchard, França-Rhône (Vinea, R$ 48). Vermelho rubi entre claro e escuro com reflexos violáceos. Aroma de bom ataque e bom frescor, focado nas frutas vermelhas doces, baunilha, alcaçuz. Paladar de médio corpo, 13,5% de álcool, taninos doces, acidez moderada, falta um pouco de frescor na boca. Nota 83 pontos.

9-Elegance de Lesparre 2004, Michel Gonet, França-Bordeaux (Vitis Vinífera, R$ 48). Vermelho granada escuro com reflexos alaranjados. Aroma intenso e já com evolução, em conformidade com a cor, com frutas secas, passas, especiarias, toques animais de couro e suor. Paladar de médio corpo, taninos prontos, acidez baixa, Nota 80 pontos.

10-Cruse 6ème Génération 2006, Louis Eschenauer, França-Bordeaux (Mr Man, R$ 42). Vermelho granada claro. Aroma de couro, frutas secas, especiarias, geléias com toques de brett, o que é típico de Bordeaux e transmite aromas animais de suor ao vinho. Paladar magro, taninos flácidos, com 12% de álcool, toque de amargor no fim de boca. Nota 76 pontos.

 

ITÁLIA

  Vinho Produtor Safra Região Importador Preço* NOTA
1 Riparosso Illuminati 2008 Abruzzo Casa do Vinho R$ 44,00 89
2 Nero D´Avola Cusumano 2009 Sicilia Inovini R$ 48,00 88
3 Tormaresca Neprica 2008 Puglia Wine Brands R$ 44,00 87
4 Baglio del Sole Feudi del Pisciotto 2006 Sicilia Vinci US$ 28,50 87
5 Hesaurum CVP 2008 Veneto Barrinhas R$ 29,83 87
6 Remole Frescobaldi 2008 Toscana Grand Cru R$ 49,00 86
7 Primitivo  Torre Solaria 2008 Sicilia Reloco R$ 49,00 85
8 Primitivo Antonini Ceresa 2008 Puglia Ana Import R$ 42,00 84

 

1-Riparosso 2008, Illuminati, Itália-Abruzzo (Casa do Vinho, R$ 44). Montepulciano D´Abruzzo. Vermelho rubi escuro com reflexos violáceos. Aroma de bom ataque e bom frescor, com boa concentração de fruta, ameixas, amoras, especiarias doces, baunilha, alcaçuz, toque lácteo. Boa presença na boca, com bom corpo, 13,5% de álcool, taninos ainda presentes, boa acidez, gastronômico. Ótima compra. Nota 89 pontos.

2-Nero D´Avola 2009, Cusumano, Itália-Sicilia (Inovini, R$ 48). Vermelho rubi entre claro e escuro. Aroma intenso com boa concentração de fruta, bem madura, definida, muita amora, casis, geléias, aromas minerais típicos dos solos vulcânicos da Sicília. Paladar de bom corpo, taninos doces, 14% de álcool, acidez correta, bom equilíbrio geral, delicioso, ótima compra. Nota 88 pontos.

3-Tormaresca 2008, Neprica, Itália-Puglia (Wine Brands, R$ 44). Elaborado com Negroamaro, Primitivo e Cabernet Sauvignon. Vermelho rubi entre claro e escuro, com reflexos violáceos. Aroma de boa intensidade, lembrando frutas bem maduras, geléias, passas, especiarias doces, bastante alcaçuz, baunilha. Paladar de médio, taninos de boa qualidade, 13,5% de álcool, bom equilíbrio geral, gastronômico, boa compra. Nota 87 pontos.

4-Baglio del Sole 2006, Feudi del Pisciotto, Itália-Sicilia (Vinci, US$ 28,50). Elaborado com 100% Nero d´Avola. Vermelho granada entre claro e escuro. Bastante expressivo no nariz, com boa complexidade, com fruta passa, geléias, muitas especiarias, canela, noz, moscada, tabaco, musgo. Paladar de com corpo, quente, com 13,5% de álcool, taninos secos, toque de rusticidade, gastronômico. Boa compra. Nota 87 pontos.

5-Hesaurum 2008, CVP, Itália-Veneto (Barrinhas, R$ 29,83). Elaborado com Cabernet Sauvignon e Corvina. Vermelho granada entre claro e escuro. Aroma de bom ataque com muito café, tostados, toques balsâmicos, frutas secas e muitas especiarias. Paladar de médio-bom corpo, 13% de álcool, taninos doces com textura um pouco porosa, longo, gastronômico. Boa compra. Nota 87 pontos.

6-Remole 2008, Frescobaldi, Itália-Toscana (Grand Cru, R$ 49). Sangiovese e CabernetSauvignon. Vermelho rubi entre claro e escuro, com reflexos violáceos. Aroma de bom frescor, onde a fruta fresca da Sangiovese se impõe, com amoras, alcaçuz, baunilha, toque lácteo. Paladar de médio corpo, taninos secos, 12,5% de álcool, boa acidez, fresco e gastronômico, muito bem elaborado, simples e delicioso. Boa compra. Nota 86 pontos.

7-Primitivo 2008, Torre Solaria, Itália-Sicilia (Reloco, R$ 49). Vermelho rubi entre claro escuro com reflexos violáceo. Aroma de bom ataque, doçura da fruta e especiarias dominam, sobre um fundo mineral bem interessante. Paladar de médio corpo, alcoólico com 13%, macio, acidez correta. Nota 85 pontos.

8-Primitivo 2008, Antonini Ceresa, Itália-Puglia (Ana Import, R$ 42). Vermelho entre rubi e granada entre claro e escuro. Aroma de média intensidade, com perfil onde fruta e especiarias estão bem integradas, com toque de alcaçuz, pimenta, ameixas, toque mineral. Paladar de médio corpo, 12,5% de álcool, taninos secos, gastronômico. Nota 84 pontos.

 

ESPANHA

  Vinho Produtor Safra Região Importador Preço* NOTA
1 Tavs Hacienda del Carche 2009 Jumila Vinissimo R$ 45,00 89
2 Oak Aged Single Vineyars Pago de Cirsus 2007 Navarra Decanter R$ 40,45 87
3 Monastrel Bodegas Castaño 2007 Yecla Península R$ 46,00 85
4 Viña Bujanda Viña Bokunda 2009 Rioja Mistral US$ 22,90 83
5 Elbo  Bodegas Vizar 2006 Castilla Casa do Porto R$ 49,00 82

 

1-Tavs tinto joven 2009, Bodegas Hacienda del Carche, Espanha-Jumila (Vinissimo, R$ 45). Elaborado com 80% Monastrel e Syrah, sem madeira. Vermelho rubi purpúreo. Aroma intenso e fresco com ótima concentração de fruta, especiarias doces, baunilha, alcaçuz. Paladar macio, com indiscretos 15% de álcool, taninos doces, muito limpo e bem equilibrado, uma delícia. Nota 89 pontos.

2- Single Vineyard Oak Aged 2007, Pago de Cirsus, Espanha-Navarra (Decanter, R$ 40,45). Elaborado com Tempranillo, Merlot, Cabernet Sauvignon. Vermelho rubi escuro com reflexos violáceos. Aroma intenso e com a doçura da madeira na frente, com frutas negras, compotas, especiarias doces, toque vegetal de musgo, chocolate. Paladar moderno e bem elaborado, com bom corpo, taninos doces, ainda presente, 14,5% de álcool, bom equilíbrio geral. Nota 87 pontos.

3-Castaño Monastrel 2007, Bodegas Castaño, Espanha-Yecla (Península, R$ 46). Vermelho rubi escuro com reflexos violáceos. Aroma focado nas frutas vermelhas e negras com toques de especiarias doces e toque picante. Paladar de médio corpo, taninos doces, acidez moderada, com 13,5% de álcool, acidez correta. Nota 85 pontos.

4-Viña Bujanda 2009, Viña Bojunda, Espanha-Rioja (Mistral, US$ 22,90). Rubi violáceo claro. Aroma perfumado e doce, floral, frutas vermelhas, morango, framboesa, baunilha. Paladar leve e muito macio, de acidez moderada, taninos aveludados, sente-se um toque de doçura no fim de boca. Nota 83 pontos.

5-Elbo 2006, Bodegas Vizar, Espanha-Castilla (Casa do Porto, R$ 49). Vermelho entre rubi e granada, entre claro e escuro. Aroma de fruta madura, geléia, toque vegetal doce de melaço, especiarias. Paladar de médio corpo, 13,5% de álcool, taninos não muito finos, acidez moderada. Nota 82 pontos.

*preços informados pelos importadores

Marcelo Copello (mcopello@mardevinho.com.br)

www.mardevinho.com.br